BIZARRO

Homem mata bebé de seis meses por o confundir com uma aranha

Um homem matou o enteado de seis meses durante a noite após o ter confundido com uma aranha. O caso aconteceu em junho de 2016 em Melbourne, na Austrália.

Dwayne Lindsey alegou que se encontrava a dormir quando o bebé se mexeu, assemelhando-se a um aracnídeo.

Com o susto, o individuo atirou o menino contra a parede provocando-lhe um traumatismo craniano e graves lesões na coluna.

A mãe do menino Chayse Dearing, Michelle, saiu de casa por volta das 04h00 para ir com duas amigas às compras a um supermercado aberto durante 24 horas. No entanto, só às 08h21 é que recebeu uma chamada do namorado a contar o sucedido.

Segundo o advogado de acusação, Nicholas Papas, a versão dos acontecimentos do réu não coincide com os relatórios médicos, o que para este significa que a morte do menino não foi acidental.

“Ele não é um homicida”, exclamou Scott Johns, o advogado da defesa. Segundo este, as ações do cliente não tinham como objetivo magoar alguém.  O processo em tribunal vai continuar durante mais uma semana até ser decidida a pena a aplicar.

Fonte: Correio da Manhã

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.