Loading...

POLÍTICA

Relatório Norte americano diz que Membros do Al-Shabaab estão em 5 Distritos Moçambicanos

Após o ataque de um grupo de 30 homens que supostamente pertencem ao Harakat al-Shabab al-Mujahideen “Movimento do Jovem Guerreiro”, conhecido geralmente como Al-Shabaab, na região Norte do país, as Redes Sociais tem sido muito agitadas.

Inicialmente muitos duvidaram que os ataques haviam sido perpetuados por membros do grupo terrorista Al-Shabaab. Apesar dos referidos bandidos serem Muçulmanos e adotarem políticas iguais as dos terroristas.

A Polícia da República de Moçambique avançou que os homens Armados estão obrigando a população a não procurarem cuidados médicos, ir a escola, obedecer algumas leis do governo, ente outras coisas. Curiosamente, o grupo terrorista Al-Shabaab, age da mesma maneira na Somália e Quênia.

Há dias atrás, vazou na web um relatório do departamento do estado norte-americano e o relatório da conferência islâmica (10-13 de novembro de 2016).

Segundo avançou o Historiador moçambicano, Egídio Vaz, “o primeiro documento se preocupa com a porosidade das fronteiras nacionais, da facilidade da obtenção de nacionalidade falsa e outras medidas de segurança incluindo o tráfico de drogas. É possível obter vasta documentação online, principalmente os wikileaks.

Já o segundo é mais peremptório, ao ter identificado os distritos de Palma, Nangade, Mocímboa da Praia e Montepuez como distritos assolados por grupos radicais cujas acções vão contra a verdade do islão.

Loading...

Neste documento, é possível ler que os clérigos desencorajam o ensino formal, permitem casamentos sem consentimento dos pais, são portadores de armas brancas simbolizando o jihad, não aceitam diálogo e incitam o desacatamento aos Álimos.” 

22309056_2063147577246409_1761558864699047924_n

22281673_2063147460579754_4739037503438583521_n

Loading...

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.