POLÍTICA

MDM Reage ao Assassinato de Amurane: “Que esse Crime não caia no Esquecimento”

Quase 24 horas após o assassina do Presidente do Conselho Municipal de Nampula e Membro da comissão política nacional do MDM, Mahamudo Amurane, o MDM na voz do seu presidente, Daviz Simango, resolveu reagir sobre o assunto.

Perante vários jornalistas, o Edil da cidade da Beira disse que o partido recebeu a notícia com muita tristeza e indignação.

Numa outra abordagem, Daviz Simango que falava a partir da cidade da Beira, disse esperar que as autoridades consiga encontrar os responsáveis pelo assassinato de Amurane.

“Foi com profunda mágoa e indignação, que o MDM tomou o conhecimento do assassinato macabro do presidente do Conselho Municipal de Nampula, Membro da comissão política nacional, Mahamudo Amurane, ocorrido no dia 4 de Outubro de 2017, dia do Acordo Geral da PAZ, na cidade de Nampula.

Estamos perante mais um acto criminal, de natureza pública, de todas as formas condenável, levado a cabo por indivíduos até este momento desconhecidos.

Loading...

O MDM dentro dos seus princípios, repudia fortemente este ato de brutalidade, agressão gratuita e covardia, pelo que exige que esse crime não deve passar impune.

O MDM insta as autoridades policiais do nosso país a tomar providências adequadas e necessárias, no sentido de neutralizar os autores do crime, de modo que se esclareça o mais cedo possível  e sejam responsabilizados perante a justiça.

Que esse crime brutal e sem sentido, não caia nas vias de desinformação e de esquecimento como infelizmente temos vistos em outros assassinatos passados e recentes, que pairam na nossa sociedade como sombras sem solução e sem culpados

Mais uma vez, que Deus conforte a família enlutada e de balas a Alma de Mahamudo Amurane e que a Justiça seja feita.”

 

Loading...

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.