Loading...

BIZARRO

Homem mata curandeiro porque tratamento para se livrar das dívidas não funcionou

As autoridades Angolanas apresentaram na passada sexta-feira(7) à imprensa dois Agentes das Forças Armadas Angolanas e um da Polícia daquele país, acusados de terem assassinado, no dia 29 de Setembro, um curandeiro que em vida respondia por  João Baptista Cassimbombo, de 48 anos de idade.

No apresentação dos supostos homicidas, o chefe interino do Gabinete de Comunicação Institucional e Imprensa do SIC, Abel Miango, contou como tudo aconteceu.

“Um devia dinheiro a muita gente, por isso resolveu procurar o quimbandeiro João Cassimbombo, tendo-se submetido a um tratamento que obrigaria os donos dos valores a esquecerem-se de cobrar as dívidas.

Loading...

Quanto aos outros dois, um tinha uma patologia na região abdominal, enquanto o outro havia levado a esposa doente para tratamento”.

Miango referiu que os presumíveis autores são amigos e por não terem obtido sucesso no tratamento acordaram em assassinar o curandeiro.

“O curandeiro vivia na Zona 14 do bairro Mbemba Ngango, e foi arrastado até ao bairro Cemitério, periferia da cidade do Uíge, onde foi atingido mortalmente com um tiro na cabeça”, sentenciou.

Loading...

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.